[Resenha - #2] O Lado Mais Sombrio - A.G. Howard

2 de dezembro de 2014

Título: O Lado Mais Sombrio
Autora: A. G. Howard
Ano: 2014
Páginas: 368
Editora: Novo Conceito
Skoob: Adicione
Goodreads: Adicione
Comprar: Buscapé

Sinopse:

Alyssa Gardner ouve os pensamentos das plantas e animais. Por enquanto ela consegue esconder as alucinações, mas já conhece o seu destino: terminará num sanatório como sua mãe. A insanidade faz parte da família desde que a sua tataravó, Alice Liddell, falava a Lewis Carroll sobre os seus
estranhos sonhos, inspirando-o a escrever o clássico Alice no
País das Maravilhas.Mas talvez ela não seja louca. E talvez as histórias de Carroll não sejam tão fantasiosas quanto possam parecer. Para quebrar a maldição da loucura na família, Alyssa precisa entrar na toca do coelho e consertar alguns erros cometidos no País das Maravilhas, um lugar repleto de seres estranhos com intenções não reveladas. Alyssa leva consigo o seu amigo da vida real – o superprotetor Jeb –, mas, assim que a jornada começa, ela se vê dividida entre a sensatez deste e a magia perigosa e encantadora de Morfeu, o seu guia no País das Maravilhas.Ninguém é o que parece no País das Maravilhas. Nem mesmo Alyssa...



“- Você compreende a lógica que está além do ilógico, Alyssa. É sua natureza encontrar tranquilidade em meio à loucura.”

O Lado Mais Sombrio tem início narrando a vida de Alyssa, a personagem principal que vive com seu pai, sua mãe Alison foi internada em uma clinica psiquiátrica com sintomas de esquizofrenia e alucinações. Alyssa coleciona insetos desde que tinha dez anos de idade, pois foi a única maneira que ela encontrou de silenciar os sussurros produzidos por eles.

Em uma visita a mãe, que descobre que Alyssa possui os mesmos sintomas que todas as mulheres da família, um segredo é revelado, que na realidade é uma maldição, e agora cabe a Alyssa voltar onde começou e consertar os erros de Alice. Ela repete a história, mas acaba descobrindo que nada é exatamente com lhe foi dito. Além disso, ela precisa lidar com a presença acidental de Jeb – seu melhor amigo, por quem é apaixonada – e Morfeu – seu misterioso e familiar guia – nesse mundo misterioso e assustador.

O livro é narrado em primeira pessoa. Os personagens da história original como a Lagarta, a Rainha de Copas,o Gato de Cheshire, o Coelho Branco e o Chapeleiro Maluco, também possuem um papel importante na historia, que ganhou um toque sombrio e ao mesmo envolvente.

A autora me surpreendeu em diversos momentos com sua narrativa criativa e cheia de reviravoltas. O ritmo da história assim como tudo o que acontece no País das Maravilhas é rápido e frenético. Alyssa me fez ficar encantada em quase todos os momentos da leitura, muito forte e determinada, o que me incomodou um pouco foi as atitudes dela em determinadas situações. Outra coisa que me incomodou e eu achei totalmente desnecessária é o triângulo amoroso entre Alyssa, Jeb e Morfeu. Jeb é um fofo, mas pra mim ficou um pouco óbvio o relacionamento dele com a Alyssa. Já Morfeu é muito mais charmoso, e crucial para a história, acabei torcendo por ele e Alyssa, mesmo que esteja um tanto claro com quem a garota ficará. 

Apesar da historia se fechar logo no primeiro livro, ele tem mais duas continuações, que no Brasil já foi lançada a primeira, Atrás do Espelho.

Sim eu recomendo muito esse livro, pra quem gosta de uma boa aventura. A autora consegue te transportar para um novo mundo em que tudo podefazer sentido, basta dar uma chance e aproveitar essa mais nova viagem para o País das Maravilhas.

4 comentários:

  1. Eu gostei bastante da capa, gosto da psicodelia de Alice no Pais das Maravilhas, se este livro conservar essa psicodelia e colocar um tom sombrio nele, será uma leitura incrivel.
    Abraço

    http://chacomresenha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ganhei esse livro de Dia dos namorados ano passado. Fui eu que escolhi e, confesso, comprei sem nem ler a sinopse, apenas pela capa. Nunca li Alice nos País das Maravilhas, mas foi uma deliciosa surpresa saber que era esse o assunto tratado nesse livro, de forma tão diferente, alucinante e cativante. Morfeu é meu personagem favorito, mas também fiquei encantada com Jeb e com a força de Alyssa. Esse livro ficou no meu TOP5 melhores leituras de 2014. Estou louca pelos outros dois volumes da trilogia.
    Beijinhos

    http://vidasempretoebranco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Apesar de não ter gostado muito da capa, a história parece ser bem interessante!
    O que me incomodou foi o triângulo amoroso... af.
    Beijo.
    Choque Literário

    ResponderExcluir
  4. Nem tem tanto triangulo é meio que quase certo com quem ela fica e gosta, mas obrigada por comentar, volte sempre.Beijos :*

    ResponderExcluir